10 abril 2017

Minha Cirurgia de Escoliose


Hello amores e amoras da minha vidinha! 
Hoje é um dia muito especial pra mim. E pelo título já perceberam o que é!
Muita gente não sabe, mas há dois anos passei por uma cirurgia de escoliose e é sobre isso que vou falar hoje!
Afinal de contas, o que é escoliose?! Então, a escoliose é uma curvatura da coluna em formato de 'S', fixa ou múltipla (no meu caso foi múltipla). Dor muscular nas costas são os principais e mais comuns sintomas e o tratamento pode ser feito com exercícios físicos (acompanhado por um profissional, lógico), coletes otopédicos ou cirurgia (fiz um pouquinho de cada kkkkkk).
Muita gente tem bastante curiosidade sobre essa cirurgia e pede pra eu contar sobre minha experiência e nada mais justo do que vir falar pra voces!

"Por volta dos meus sete anos de idade comecei a sentir várias dores musculares e até sofri alguns (muitos rsrs) torcicolos e nunca foi descoberto o motivo. O médico do postinho alegava ser coisa de criança levada (sim eu era custosinha kkk), então fomos levando. O tempo passou e a coisa foi ficando séria, as dores ficaram cada vez mais frequente. Até que minha família resolveu procurar um ortopedista e quando vimos a escoliose estava em um nível avançado. Usei um colete (socorro :'( era horrível ficar com aquilo) por alguns sofridos meses. Vejam a única foto que tenho:


Ele era do pescoço até o quadril (na barriga fazia tipo uma cinta de fibra, com duas barras de ferro por toda as costas e uma na frente). O recomendado era usar durante 22 horas do dia, sendo as outras 2 para fisioterapia e banho. Mas não adaptei! Desde a minha primeira consulta com o ortopedista, estava 'naquela' fase da adolescência, apesar da dor, a vergonha de fazer o tratamento falava mais alto, então fiquei 'curtindo' a dor e o problema por um tempo, apenas tomando remédios pra amenizar. Foi ai que a temida cirurgia chegou. O que todo mundo cre ser o fim do mundo, pra mim foi apenas o começo dele.


Depois de dúvidas, medos, incertezas e muita oração decidi que precisava solucionar aquele problema que já estava comprometendo meus passos. 
9 de abril, dei entrada no melhor hospital da vida rsrs Hospital Evangélico de Belo Horizonte, onde Deus usou o Dr. Leonardo e sua belíssima equipe para fazer um milagre na minha vida!


No dia 10 bem cedinho fui para o bloco. A cirurgia foi bem delicada, e durou bem mais de 6 horas. Passei por alguns bocados lá rsrs Mas graças a Deus fiquei ótima. Me lembro bem, foi em uma sexta feira. Quem já passou por esse procedimento sabe que a primeira coisa que queremos saber quando acordamos é se vamos andar. A ansiedade é imensa. Acordei já a noite no CTI, a primeira coisa que vi foi um relógio (kkk) e logo tentei movimentar as pernas, estava bem dormente, mal sentia os quadris, mas dobrei os joelho (dei um gritinho, porque doeu muito kkkk.. tá, admito que sou louca), foi lindo gente rsrs. Mal via a hora de colocar os pés no chão. E aconteceu!



Segunda feira de manhã sai do CTI e logo a tarde dei os primeiros passos (digo que foram os primeiros passos para uma vida nova, e foi). Quanta emoção amoras, imagino que seja a mesma felicidade quando um bebe da seu primeiro passinho mesmo sabe?! Ai se pudesse gritar naquele corredor (como se eu fosse conseguir kkkkk). Ah, essa moça da foto acima foi a minha fisioterapeuta por lá.


 Pessoas maravilhosa e que jamais serão esquecidas, me ajudaram bastante. Érica, Claudinha, D. Maria Luiza, Dr. Leonardo Fernandes, Dr. Rafael, Tia Laura (a melhor cozinheira de BH kkkk) D. Maria companheira de quarto rsrs e muitos outros que não lembro o nome, porém levo o rostinho de cada um no meu coração.
Ah, antes que me esqueça, olha o antes e  depois  kkkkkk 

Na primeira foto, ainda com a escoliose em 'S'. Depois da cirurgia com 22 pinos!
 
O pós cirúrgico foi bem delicado, repouso absoluto. Não podia (nem posso) ter impactos, cair, carregar peso, essas coisa. Posso levar uma vida normal (segundo o médico). Mas nem tudo é como parece ser. Não respondi muito bem ao tratamento (a cirurgia foi sucesso ok?! rsrs). Fiquei bastante limitada para minhas funções diárias e não consigo trabalhar (infelizmente). Mas conheço pacientes que dançam até o chão kkkkk (as vezes mato a saudade do pagodinho, não mais de 10 minutos kkkk). Mas, se faria a cirurgia de novo?! Faria. Apesar de tudo, valeu super a pena, hoje tenho a certeza de não mais escoliose, não mais cadeira de rodas. As limitações?! Vou desviando nos decorrer dos dias e aceitando, pois é isso que Deus reservou pra mim E NÃO FOI ATOA, TEM UM PROPÓSITO! Se eu indico?! Lógico. O que não pode é deixar pra depois, porque em um curto período de tempo perdemos o controle da situação!
Então o que tenho a dizer pra voces, que tem sintomas de escoliose ou que tem, é que 'procurem quanto antes o tratamento, deixem a vaidade, o medo e a vergonha de lado. Ouçam quem ama e preocupa com voces. Como dizem por ai, qualquer procedimento cirurgico tem seu risco, seja ele o mais simples. Então vão em um especialista, se possível até em mais de um (eu fiz isso), para terem várias opiniões e cuidem, cuidem mesmo! Ah, pelo amor do papai do céu, não deixem as crianças carregarem essas mochilas mega pesadas para a escola, pode ser uma das principais causas! rsrs.
E se quiserem me perguntar qualquer coisa sobre, vai ser um prazer dividir mais um pouquinho com voces (quem sabe um vídeo de perguntas e respostas? rsrs Boa ideia rsrs)"

Dá pra escrever em um livro né? kkkkk Não sei se voces lerão até aqui, pois ficou enorme. Mas se sim, saiba que estou mega feliz de compartilhar esse momento com voces. Muitas pessoas me julgam pelo jeito que eu ando (empinada não, com postura -as vezes kkk-), acham que sou 'mitidinha', não gente, sou um amorzinho. Me julgam por coisas que nem sei, mas não procuram saber o que já passei e passo por causa desse probleminha. Quero agradecer cada um que viveu esse momento comigo, agradecer as orações e meus verdadeiros amigos que teve o tempo todo do meu lado. 
E por hoje é só, deixem seu comentário, sua pergunta e o que achou rsrs Fiquem com DEUS e até amanhã se Ele quiser.. Bjnhs.. Fuiiiz..

Nenhum comentário:

Postar um comentário